Vereador propõe diálogo entre presidente do consórcio do Shopping Popular e a Câmara Municipal de Feira

Em discurso, na Câmara Municipal de Feira de Santana, na manhã desta terça-feira (27), o vereador Paulão do Caldeirão (PSC), solicitou ao presidente da Câmara, Fernando Torres (PSD), e aos demais vereadores que recebam na tribuna livre, o empresário Elias Tergilene, responsável pelo Shopping Popular.

O vereador Paulão discorda do posicionamento do colega Jhonatas Monteiro (PSOL), que solicitou uma CPI para investigar indícios de irregularidades na Parceria Público Privada (PPP) que administra o Shopping Popular. De acordo com o edil, o problema pode ser resolvido com maior facilidade, na base da conversa. O edil, Paulão afirmou que o empresário deve à Casa da Cidadania explicações sobre a situação dos lojistas do Shopping Popular e também sobre a ‘ameaça de fechamento’ do Feiraguai. “Enquanto eu estiver aqui, meu povo será representado, o pedido de CPI, apenas prejudicará o povo, que na verdade precisa de ajuda o quanto antes, já que o Elias Tergilene deseja conversar de forma respeitosa, devemos dar essa oportunidade para que ele utilize a tribuna livre na quinta-feira (29) e nós dar explicações”, afirmou Paulão.

Em um aparte, o presidente Fernando Torres (PSD), afirmou que o assunto é de interesse da sociedade, além de ser uma das prioridades da Casa, logo o dia em que o empresário, Elias desejar se dirigir à Câmara e dialogar de forma respeitosa com os vereadores será recebido.

“Em conversa com o senhor Elias Tergilene, ele informou que irá rever a questão das taxas cobradas aos lojistas do shopping popular em respeito a esta Casa, então vamos priorizar ajudar o nosso povo e escutá-lo para que esse acordo venha ser firmado em prol de todos os camelôs que clamam por ajuda”, conclui Paulão.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn