Vereador Paulão critica tratamento que o prefeito Colbert tem dado aos vereadores aliados

Em discurso na tribuna da Casa Legislativa, nesta quarta-feira (09), o vereador Paulão do Caldeirão (PSC), criticou a maneira que o atual prefeito, Colbert Martins, tem tratado os vereadores aliados do governo.

“O prefeito é ingrato, ele tem agido de forma maléfica”, pontuou. Paulão aproveitou e recordou a forma que o pai do prefeito Colbert governou a cidade, enquanto foi prefeito. “O pai do prefeito foi um exemplo de homem público, de administrador, mas infelizmente o que vemos atualmente, é um prefeito vingador”.

O vereador também citou a situação precária em que se encontra a estrada de acesso da Barra, no distrito de Jaguara. “A estrada da Barra, no distrito de Jaguara não tem condições de passar um carro se quer com segurança, a estrada está completamente esburacada, até os ferros da ponte estão aparentes, fica o questionamento, cadê o trabalho do prefeito?”, indagou Paulão.

O edil acrescentou em sua fala, o fato de Feira de Santana ter batido novo recorde de casos diários de covid-19, no dia de ontem (08), com 452 novos casos confirmados nas últimas 24 horas. “Cadê o trabalho de combate a covid-19 em Feira de Santana? Se existe um trabalho de excelência no enfrentamento a covid, por qual motivo os casos continuam aumentando? E ainda temos mais de duas mil pessoas aguardando o resultado de testes, pergunto novamente, cadê o trabalho que o prefeito diz que vem realizando sobre o combate a covid-19?”, questionou o vereador.

“O prefeito deveria se unir a esta Câmara Municipal, e parar de perseguição, inclusive, com o valor que está câmara economizou, estamos doando a prefeitura 50 viaturas para melhoria no policiamento do município”, citou.

Um dos filhos do vereador Paulão exercia um cargo no governo municipal, sendo exonerado no dia de hoje. “Colbert exonerou meu filho do cargo que ele exercia no governo, essa atitude só comprova que ele é um prefeito perseguidor, se não votarmos nos projetos dele, ele exonera, ele persegue, mas não estou preocupado, seguirei votando nos projetos que forem pertinentes para a população, sendo ou não do governo”, finalizou.

Em aparte 

O presidente da Câmara Municipal, Fernando Torres (PSD), aproveitou o aparte para reafirmar que o dialogo com o prefeito está cada dia mais complicado. “Temos na câmara mais de 1oo requerimentos e nenhum deles o prefeito respondeu, infelizmente a palavra para isto é afastamento, não queremos mudar o que o povo colocou na prefeitura, mas queremos governabilidade, queremos que o prefeito trabalhe e respeite a Câmara Municipal”, afirmou Torres.

Fernando mandou uma mensagem ao prefeito Colbert Martins. “Se nesse momento o senhor está escutando a minha voz, acorda prefeito, está na hora de ouvir as pessoas, o que queremos é que você exerça a função de prefeito”, encerrou.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn